quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

A IMPORTÂNCIA DOS PORMENORES SEM IMPORTÂNCIA (contos), de Joaquim Manuel Pinto Serra


Em todas as famílias, existe sempre alguém que, pelos seus comportamentos invulgares, se distancia das atitudes generalizadas do bom senso.
Violando o bom nome do clã, conquistado através de gerações, os traços da sua personalidade vislumbram-se apenas em algum ente querido já falecido, cujo rosto aprendemos a conhecer pelos álbuns escondidos no sótão das nossas memórias.
Fotografias e informações deliciam-nos em reuniões familiares e oferecem-nos a desejada tranquilidade, quando se descobre a quem saiu o estranho e inoportuno intruso.
Ficam, então, justificados os incómodos provocados por essas criaturas insólitas e aliviadas as consciências. Porque tais incómodos têm a sua origem num qualquer ADN longínquo, que não lhes permitiu escolher a sua maneira de ser.
.......................................

O AUTOR:
Joaquim Manuel Pinto Serra  – Médico psiquiatra aposentado da carreira hospitalar (chefe de serviço), reside em Lisboa, depois de ter vivido em Coimbra quase sessenta anos.
Actualmente, exerce a actividade clínica como profissional liberal no Hospital de Loulé, sua terra de origem.
Como escritor, vê agora publicado o seu décimo quinto livro, uma colectânea de contos dedicada aos que «têm a difícil missão de se desviar das tradições e dos bons costumes estabelecidos ao longo dos tempos […], assumindo durante toda a vida, o ingrato papel de bode expiatório, nascido para salvar os seus de todas as intrigas e maledicências».
Preocupado, desde sempre, com os problemas do envelhecimento, mantém a motivação pelos estudos nos domínios da Gerontologia e da Gerontopsiquiatria e, consequentemente, lecciona a disciplina «A Arte de Envelhecer», em várias Academias de Seniores, na cidade de Lisboa.
.......................................

FICHA TÉCNICA
Livro: A importância dos pormenores sem importância (contos)
Autor: Joaquim Manuel Pinto Serra (com texto introdutório/dedicatória da sua autoria)
Ilustração da capa: Reprodução de pintura de Céu Brito.
Fotografia do autor na contracapa: Maria Apparecida Vidal Finck
Editora: Mar da Palavra - Edições, L.da
Colecção: Cais da Ficção (n.º 6)
PVP: 16,96 €
N.º de páginas: 200
Formato: 14,5 x 21,0 cm
ISBN: 972-8910-72-3 (EAN: 978-972-8910-72-3)
.......................................

Sem comentários:

Enviar um comentário