segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

[O oiro verde], poema de João José Cochofel

Imagem encontrada em http://www.campoaberto.pt/
O oiro verde
neste chapado de sol poente
sobre as árvores.

Que pensarás tu do oiro verde,
mulher coberta de farrapos
e do cheiro ancestral
agonizante da pobreza?
                                                 [Quatro Andamentos, 1964]

In «O Bispo de Pedra» (Quatro Andamentos, Emigrante Clandestino, Uma Rosa no Tempo, Água Elementar), poesia de João José Cochofel, Iniciativas Editoriais, Lisboa, Novembro de 1975 (1.ª edição).

Sem comentários:

Enviar um comentário